Missionários
Claretianos Brasil

home » Evangelho Meditado

Evangelho Meditado

Quarta-feira, 24 de Maio de 2017

Atos 17,15.22-18,1: O que adorais sem o conhecer, eu vo-lo anuncio

Salmo 148: Nos céus, louvai o Senhor, louvai-o nas alturas do firmamento

Jo 16,12-15: O Espírito ensinar-vos-á toda a verdade

12Muitas coisas ainda tenho a dizer-vos, mas não as podeis suportar agora. 13Quando vier o Paráclito, o Espírito da Verdade, ensinar-vos-á toda a verdade, porque não falará por si mesmo, mas dirá o que ouvir, e anunciar-vos-á as coisas que virão. 14Ele me glorificará, porque receberá do que é meu, e vo-lo anunciará. 15Tudo o que o Pai possui é meu. Por isso, disse: Há de receber do que é meu, e vo-lo anunciará.

Comentário

A revelação de Deus é histórica e progressiva. Dois mil anos de história fizeram progredir a fé do povo de Deus, embora também tenha sofrido desvios. Como povo de Deus, avançamos na fé fundamentada na memória de Jesus e nas primeiras comunidades. Com altos e baixos, erros e pecados, a verdade foi abrindo caminho. Hoje vemos mais claro que os Direitos Humanos são inalienáveis, cremos que o homem e a mulher são iguais e têm a mesma dignidade, que o fim da evangelização é o Reino de Deus, que a opção pelos pobres forma parte intrínseca da fé. Antes se dizia que fora da Igreja não havia salvação. Hoje temos claro que Deus salva como quer e onde quer. A salvação se realiza não somente nas religiões, mas na vida de cada dia, nas ciências, nas lutas em defesa das causas da vida. Isto é verdade e, como disse Jesus: a verdade nos torna livres. 

Santo do Dia

Nossa Senhora Auxiliadora



Este título mariano foi introduzido na ladainha por Pio V, em agradecimento pela vitória da armada cristã, que afastou o perigo maometano da Europa (7/10/1571). Mais tarde em 1814, Pio VII instituiu sua festa no dia 24 de maio, para lembrar sua libertação do cárcere a ele imposto por Napoleão Bonaparte em Savona, França. É invocada com a seguinte oração:

Virgem Maria, nossa carinhosa Mãe e poderoso auxílio dos cristãos, nós nos consagramos inteiramente ao vosso amor e serviço. Consagramo-vos o entendimento com os seus pensamentos, o coração com seus afetos, o corpo com seus sentidos e com todas as suas forças, e prometemos trabalhar pela realização e felicidade de todas as pessoas. Acolhei-nos todos sob o vosso manto, ó Maria Auxiliadora. Ajudai-nos a recorrer a vós nas tentações, prontamente e com confiança. Fazei que a vossa lembrança tão boa, tão amável, tão cara, e a recordação do amor que tendes para com vossos devotos nos conforte e nos faça vencedores, por meio do amor evangélico, dos inimigos do Reino, a fim de podermos, já nesta terra, viver o céu. Amém.

Calendário - Serviço Bíblico